A montagem de um grande elenco fez com que se criasse grandes expectativas em cima do time do Pato Futsal. No entanto, a queda de rendimento do time, unida a série de derrotas na Liga Nacional e perda da liderança na Chave Ouro do paranaense, custaram o posto de Márcio Borges, substituído por Maneca. Contudo, a troca não foi encarada de maneira negativa, já que os próprios jogadores avaliam como sendo estratégica.

Com a patente de um dos mais experientes do grupo, o goleiro Nando expõe que trocar o único técnico da história do Pato não foi uma missão fácil, mas analisando o contexto era o melhor a ser feito. “Nós não estávamos com um bom desempenho, apesar de pequenas evoluções em quadra. Por essa situação, a diretoria entendeu que foi necessária a mudança de comando técnico para dar uma ‘mexida’ no elenco”, comenta.

Nando acredita que a decisão da diretoria foi acertada e também feita no momento certo, já que o time teve folga na Liga Nacional, podendo assim, ter três semanas direto para treinar, amenizando o baque da mudança. “O momento foi adequado pois tivemos tempo para treinar e assimilar a ideia de jogo que o Maneca pretende aplicar de agora em diante”, conta.

Para que o trabalho possa ter resultados, o arqueiro ressalta a importância de que o elenco tenha uma mente aberta para entender tudo de novo que será passado pelo comandante. “É importante isso, todos nós temos os nossos conceitos, cada jogador veio de um lugar diferente, de escolas de jogo diferentes, sem contar que tem o estilo do Márcio ainda. Ou seja, são coisas que precisamos superar para que tudo dê certo”, pondera.

De acordo com o jogador, já é possível observar algumas características do novo técnico no time, principalmente na defesa que aos poucos vem se estruturando, mas já dá sinais de mudança. “Os gols tomados diminuíram, isso mostra uma evolução na defesa. Aos poucos, um passo de cada vez, estamos ajustando o ataque também. Estamos procurando nos adequar para crescer na fase decisiva da temporada”, salienta.

Agenda

O próximo compromisso do Pato Futsal pela Chave Ouro será fora de casa contra o São Lucas, na próxima terça-feira, 29, às 20h30, no ginásio Antônio Lacerda Braga, em Paranavaí. Mas antes, a equipe pato-branquense tem duelo paranaense na LNF, contra a Copagril, neste sábado (26), no Lavardão.